MTX Monitoramento

Sistema de alarme residencial

Para que a sua moradia seja à prova de intrusos, sistema de alarme é fundamental.

Já vimos que sistemas de monitoramento por vídeo inibem delitos em lugares públicos, mas, para estarmos seguros também em nossas habitações, o sistema de alarme é, sem dúvida, um complemento essencial. Pensando em ajudá-lo a identificar o sistema de alarme ideal para as suas necessidades, listamos os itens essenciais que compõem um sistema de alarme completo.

6 Elementos essenciais de um sistema de alarme residencial
  1. Central de alarme  – É o cérebro de todo o sistema de alarme. Pode proteger um ou vários locais e ainda informar o local exato onde ocorreu o evento por setor. A central recebe as informações dos sensores e periféricos disparando sirenes em casos de violações. Pode acionar também luzes e discar para números de telefone avisando sobre a ocorrência.
  2. Sensores – São ligados na central e têm como função informar o estado do setor, se houve violação ou não. Há vários modelos disponíveis como sensores passivos, sensores ativos, sensores quebra de vidro, sensores magnéticos, sensores de impacto, sensores de fumaça etc.
  3. Sirene – Responsável pelo sinal sonoro, pode ser substituído por um sinal luminoso.
  4. Bateria – É imprescindível no sistema de alarme, tendo como principal função evitar oscilações da rede elétrica, manter o sistema funcionando na falta de energia e fornecer corrente para o disparo da sirene.
  5. Discadora – É um dispositivo que, ao disparo do alarme, telefona para números gravados anteriormente pelo instalador ou o próprio usuário a fim de avisar que o alarme foi disparado. O aviso pode ser tipo sirene ou mensagem gravada.
  6. Fonte de alimentação – É a responsável pelo bom funcionamento do sistema, devendo manter carregada a bateria e alimentar todos os sensores.

Deixe um comentário

× Dúvidas ?